Evento

Rosh Hashaná, o ano novo judaico

O período é de reflexão e renovação, avaliando o que aconteceu e iniciando com esperança um novo ciclo de vida

 

Iniciam-se hoje as comemorações do Rosh Hashaná, o ano novo judaico. Ao contrário das festividades do final de ano ocidental, os judeus celebram esta data de maneira introspectiva. Trata-se de um período de oração, meditação e reflexão, em que as pessoas buscam fazer um balanço do que aconteceu e renovar suas esperanças para um novo ciclo.

Para os judeus, o Rosh Hashaná representa o “aniversário do universo”, o “nascimento do mundo”, ou seja, o dia em que Deus criou o primeiro homem e a primeira mulher – Adão e Eva. Ele também é conhecido como Cabeça do Ano ou Dia do Julgamento, pois acredita-se que nesta data Deus determina o destino de cada um para o ano que se inicia. A festa começa ao pôr do sol, na véspera de primeiro de Tishrei (este ano, no dia 18 de setembro) e termina após o anoitecer em dois de Tishrei. Em 2020, a comunidade judaica comemora a chegada do ano de 5781.

A Torá, livro sagrado da cultura judaica, refere-se à data como Yom ha-Zikkaron (o dia da lembrança) ou Yom Teruah. Embora as celebrações do ano novo aconteçam durante dois dias, os judeus devem observar um período de dez dias de oração e introspecção (Yamim Noraim), que termina no primeiro dia de Yom Kipur, o Dia do Perdão.

Entre as tradições do Rosh Hashaná, nas duas manhãs de festa, está o toque do shofar (uma trombeta feita de chifre de carneiro), que desperta as pessoas para o arrependimento. Além disso, as famílias se reúnem para compartilhar refeições especiais, normalmente acompanhadas de maçã e mel. A mesa que é preparada para as festividades traz diversas simbologias, que incluem velas para iluminar o novo ano, um cálice de prata, romãs, tâmaras, cordeiro, peixe e pães redondos – que simbolizam o ciclo da vida. Os judeus não podem fazer trabalhos criativos neste período e costumam ir às sinagogas para renovar sua aliança e comprometimento com Deus. A saudação “Shana Tová” (em hebraico: שנה טובה), tradicionalmente usada nesta data, significa “bom ano”.

 

Spread the love